Como montar estratégias de renda com opções

Recentemente fechamos uma posição em PRIO com 53% de retorno, usando para isso apenas estratégias de renda com opções.

E engana-se quem pensa que é um bicho de sete cabeças montar esse tipo de estratégia.

Na verdade, eu utilizo apenas uma planilha de cálculo de desvios padrões.

Hoje, vou te mostrar como você também pode montar essas estratégias de renda.

Estratégia com PRIO3

Pegando os dados históricos de cotação do ativo PRIO3, temos as seguintes informações:

Eu gosto de trabalhar nos níveis de desvio com baixa de probabilidade de o preço ficar, como nos R$ 46,48.

No último vencimento, tínhamos montado uma posição com PRIO3, e quando o preço retornou para o seu valor médio, tivemos um retorno de 53%.

Estratégia com BAC

Um ativo que gosto de trabalhar no mercado americano é o BAC (Bank of America).

Quando comprei esse ativo, acabei pagando um valor acima do que ele está valendo atualmente.

Por isso, tenho trabalhado muito as estratégias de renda com opções para diminuir o seu custo de aquisição.

Para esse ativo, eu montei duas estratégias:

  • Venda de PUT no strike US$ 23,50
  • Compra de PUT no strike US$ 22,50

Essa estrutura nada mais é do que uma trava horizontal de linha, na qual eu consigo gerar uma renda de US$ 8.

Caso o mercado comece a cair, eu encerro a minha posição antes de atingir a região de prejuízo, no strike US$ 23,50.

Montei para o mesmo ativo uma outra THL, com uma compra de CALL no strike de US$ 26,50 com vencimento mais longo e uma venda de CALL com o mesmo strike, mas com um vencimento mais curto.

Como a desvalorização da opção com o vencimento mais próximo é maior, caso o mercado suba, eu consigo encerrar a posição com ganho.

Nesse caso, eu paguei US$ 24 para montar a posição e recebi US$ 36 para desmontar, finalizando com US$ 12 de ganho.

Somando a taxa obtida com a compra e venda de PUT com essa posição de compra e venda de CALL, totalizamos um ganho de US$ 20 em 2 dias.

Estratégia com FORD

Para o BAC, montamos a trava horizontal de linha para a região de baixa porque o preço do ativo estava abaixo do seu valor médio de retorno.

Porém, existem alguns casos nos quais o preço do ativo está na região média.

Nesses casos, montamos uma THL para a região de baixa e uma THL para a região de alta.

Se o mercado cair, encerramos a THL de baixa com lucro e a THL de alta com um pequeno prejuízo, que acaba compensando na soma final.

Caso o mercado suba, encerramos a THL de alta com lucro e a THL de baixa com um pequeno prejuízo.

No caso da Ford, com a queda do preço do ativo, acabamos entrando no caso do primeiro cenário.

Conclusões

Conseguimos utilizar a análise estatística ao nosso favor, para montar algumas estratégias de renda com opções, como a Trava Horizontal de Linha.

Assim, aproveitamos duas características muito interessante das opções:

  • Distribuição normal do preço dos ativos
  • Desvalorização da opção com a proximidade do seu vencimento.

 

 

 

Aulas sobre o Mercado de Opções

Como fazer análise dos gráficos para operar opções

Nesta aula gratuita vou te explicar analisar gráficos para operar opções e como funciona o comportamento…

Como multiplicar os dividendos das suas ações

Vou te ensinar como utilizar o mercado de opções para multiplicar os dividendos das suas ações

Como usar estatística para operar opções

Tenha alta taxa de acerto com ganhos expressivos. Nesta aula você vai entender como usar estatística…

Você pode se interessar

PRIO3: a empresa que tem dado mais de 2% ao mês

A PRIO3 (PetroRio), é uma empresa com a qual temos trabalhado bastante no nosso canal de…

Fiz a venda de PUT e o mercado caiu. E agora?

“O que eu faço se o mercado começar a cair depois que eu montei uma venda…

3 ações para fazer venda de PUT em maio de 2024 | Brasil

No mês passado, eu fiz um conteúdo mostrando 3 ações que poderiam ser utilizadas no mês…